sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

UNI, USP e catástrofes nazistas

ARTE ENGAJADA DOS ANOS OITENTA:

até Fernandinho Slang deixou-se encantar pelo canto da sereia ideológica da esquerda universitária brasileira



Meu contato com os comunas e militantes do PT na minha faculdade na USP me levaram inevitavelmente à ojeriza e ao nojo pela atitude e pela ideologia defendida, considerando todas as patifarias dos regimes comunistas à época dos oitentões ainda (como eu era um vendido pro sistema capitalista e sua ideologia pró-estadunidense).


Todavia, o romantismo e o idealismo dos caras era contagiante e carismático, sem sombra de dúvida. E meus processos inconscientes pegaram isso:

- Umas das tramas pro Alma de Aço se passaria num planetinha que sofreu uma “catástrofe nazista”.
Era um mundo de tecnologia semelhante à da Terra. Após uma visita de uma delegação alienígena de uma federação planetária, um líder político alucinado recebe de agentes extraplanetários (tipo CIA), nos bastidores e fora dos aplausos e festividades diplomáticas, TECNOLOGIA ALTAMENTE AVANÇADA que iria permitir que ele se apossasse do planeta inteiro!!!


E ele faz exatamente isso! Detona todos os governos daquele mundo, unifica sob a sua bandeira um domínio único e universal. Extermina toda a possível dissidência política, só que ele vai muito longe: EXTERMINA POPULAÇÕES CIVIS INTEIRAS, e os corpos destes são transformados em zumbis robotizados sem vontade, para dar continuidade aos serviços essenciais.

Os únicos privilegiados que não eram zumbificados eram os graduados do exército do cara, as crianças poupadas por terem elevado QI ou serem extremamente habilidosas em aprender rápido... e, finalmente, OS HERÓIS DA RESISTÊNCIA.

Eles mesmos: OS PORCARIAS DOS PTistinhas das Universidades!!!! Os heróis da resistência tentando derrubar um gigante invencível com a justiça de sua causa, o idealismo que norteia suas ações e a convicção do certo e errado que guia seus braços.

E eles estavam sendo massacrados igualziiiiiiinho igualziiiinho os humanos nos filmes do Exterminador do Futuro quando, sem aviso... PÁ!!!! Cai do céu uma porra de um robô guerreiro alienígena derrubado por uma bicha de um satélite de defesa que o pegou logo depois da reentrada do hiperespaço na órbita daquele mundinho!

É obóoovio que nosso herói vai se aliar ao lado dos combatentes da liberdade e virar o jogo detonando o ditadorzão e os manés assumindo um planeta… e no auge de seu idealismo e sua cegueira purista, destroem toda a infraestrutura construída pelos vilões, para recomeçarem tudo do zero, em novas bases, um novo paraíso.

“A Ameaça Suprema” 1986, aventura do Alma de Aço originalmente concebida para ser a décima história, reunindo elenco de aventuras anteriores... OLHA A VIAGEM EM ÁCIDO!!!Poster de uma aventura do Alma de Aço

…cinco anos depois, o latão reencontra esse pessoal, e eles estão chafurdando na merda, mal e mal subsistindo, ficando doentes, e empacados tentando restabelecer o mínimo de serviços essenciais a uma civilização…

Eu adoro lição de moral… pena que meus personagens não compartilhem de minha opinião (muito menos de minha sorte de estar TOTALMENTE fora dessas roubadas!)

2 comentários :

  1. como bem disse o Lanterna Verde em Liga da Justiça - Corações e Mentes:
    "Sempre quando a opressão, havera uma resistência." ou algo parecido.

    ResponderExcluir
  2. Tudo bem que é até uma reação “natural” das pessoas frente à uma situação absurda como a desta história... mas que é um clichezão da porra, ah, lá isso é! O foda é que EU G-O-S-T-C-H-O!

    ResponderExcluir

Elogio ou crítica? nunca censuro nada, mas... não ABUSE! hehehe