quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

Um theme-song para o Alma de Aço

Alma de Aço abraça Driamine
Solidão, o silêncio das estrelas, a ilusão
Eu pensei que tinha o mundo em minhas mãos
Como um deus e amanheço mortal

E assim, repetindo os mesmos erros, dói em mim
Ver que toda essa procura não tem fim
E o que é que eu procuro afinal?

Um sinal, uma porta pro infinito, o irreal
O que não pode ser dito, afinal
Ser um homem em busca de mais, de mais...
Afinal, como estrelas que brilham em paz, em paz...

Solidão, o silêncio das estrelas, a ilusão
Eu pensei que tinha o mundo em minhas mãos
Como um deus e amanheço mortal

Um sinal, uma porta pro infinito, o irreal
O que não pode ser dito, afinal
Ser um homem em busca de mais...


------------ O silêncio das Estrelas --------------- (Lenine - não a versão dele, a versão de minha antiga musa, a cantora Míriam Maria )

Adoro essa música mas achei a versão do próprio criador não muito legal.


Mas é muito deprê pra melancolia de meu herói. Ele era que nem eu, deprê pra caralho!!!
Nem parece que eu era aquele autor que queria dar um pé na bunda no tom de drama tragédia
e heróis derrotados que tanto lia e criticava nos gibis Marvel publicados à época pela Abril e pela RGE, e fazer heróis divertidos, engraçados, cômicos... mas ainda assim heróis!

Mas Lenine era foda, olha só o que ele me cometeu de música (pena que perdi as gravações dessa letra pela voz da Míriam, nunca pude preservar o registro!!!):



Quando você
Piscou por mim o aroma
Me despertou
De um estado de coma
Quando você
Partiu prá mim o embaraço
Deu ferrugem
Nos meus nervos de aço

Meus Olhos de Raio X
Cegaram de medo
Pois tua alma
É de chumbo e segredo

Quando você
Ciscou por mim indecisa
Eu fui a razão
Do riso da Monalisa
Quando você
Sorriu prá mim um beijo
Na hora "H" foi como detonar
A bomba do meu desejo

Meus Olhos de Raio X
Cegaram de medo
Pois tua alma
É de chumbo e segredo

Meus Olhos!
Meus Olhos!
Meus Olhos!
Meus Olhos de Raio X

Quando você
Piscou por mim o aroma
Me despertou
De um estado de coma
Quando você
Partiu pra mim o embaraço
Deu ferrugem
Nos meus nervos de aço

Meus Olhos de Raio X
Cegaram de medo
Pois tua alma
É de chumbo e segredo

Quando você
Ciscou por mim indecisa
Eu fui a razão
Do riso da Monalisa
Quando você
Sorriu prá mim um beijo
Na hora "H" foi como detonar
A bomba do meu desejo

Meus Olhos de Raio X
Cegaram de medo
Pois tua alma
É de chumbo e segredo

Meus Olhos!
Meus Olhos!
Meus Olhos!
Meus Olhos de Raio X

(o homem com olhos de raio-X - também do Lenine)

A versão dele tá ótima, sou puxa-saco da Míriam, então minha opinião não conta!

Bateu direitinho com o espírito do Latão. E é dinâmico!
Se algum dia eu precisasse fazer uma versão desenho animado do Alma de Aço, ia atrás dos dois pra conseguir os direitos de uso, e da míriam, ia fazer questão da gravação!!!



..............................................
Sonha, Fernandinho, sonha com viajantes estelares maníacos-depressivos tentando bancar os heróis e só se lascando com isso!...

2 comentários :

  1. essa do Lenine é perfeita.
    teve alguma influência disso?
    http://seriesedesenhos.com/br/index.php?option=com_content&task=view&id=205&Itemid=99999999
    http://en.wikipedia.org/wiki/Darkhawk (Falcão de Aço no Brasil)
    tens Orkut? deixa um e-mail para contatos.

    ResponderExcluir
  2. Oi Quiof.

    Na verdade não fui eu quem foi atrás da música do Lenine: ela caiu no meu colo, por assim dizer.

    Eu era macaca de auditório de uns amigos músicos. Do mesmo jeito que os meus conhecidos quadrinheiros não saíam das convenções, das gibiterias e das reuniões para trocar figurinhas, eu batia ponto na casa de meus amigos músicos... hmmm... acho mais honesto dizer que eu batia ponto na casa das MINHAS AMIGAS músicas, instrumentistas, compositoras, cantoras...

    Aí num dos shows (eu não saía dos shows, era uma espécie de cicerone e entendido do circuito alternativo de músicos aspirando carreira profissional de 1990 até 1999, felizmente não tive de pagar muitos micos ouvindo shows de merda, só um ou outro), miss Miriam Maria cantou a música do Lenine, o homem dos olhos de raio X... BATATA. Tava aí o hino do Alma de Aço!!!!

    Acho que foi naquele mesmo show que fui apresentado ao Silêncio das Estrelas (Lenine batia ponto lá na casa das meninas quando vinha pra São Paulo, acabei entregando meu álbum-reserva de A fOnte e a sOnda - François Burgeon para as meninas darem de presente de aniversário pra ele. Nunca me arrependi disso! Caralho, era o Lenine, que tinha composto "O Silêncio das Estrelas, e "O Homem dos Olhos de
    Raio-X". Curioso... pessoalmente eu nunca o conheci, e provavelmente nem sei se ele chegou a ouvir falar de mim. Ah, fica o meu depoimento de fã).

    Silêncio das Estrelas matou a pau!!! Duca! O homem dos olhos de raio X é excelente como theme-song para série de super-herói.... Mas O SILÊNCIO DAS ESTRELAS é o ALMA DE AÇO.

    ResponderExcluir

Elogio ou crítica? nunca censuro nada, mas... não ABUSE! hehehe